10. dez, 2016

HÁ¨68 ANOS: CARTA UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS

 

                      (Agenor Santos)

 

Aos 10 dias de dezembro de 1948, houve um pacto das nações amigas que adotam o sistema da Democracia, com a criação da Carta Universal dos Direitos Humanos, em Genebra (suíça), um braço da ONU - Organização das Nações Unidas para  mediar e intervir em conflitos para o bem  estar das Américas.

 

O efeito prático da instituição tem sido tímido diante do alto índice de violência   contra os seres humanos, sejam criminosos ou pessoas de bem. Os fatos recorrentes contrariam os dispositivos e  objetivos da Carta. Cabe a ONU mais altivez junto aos países subscritores que compõem o bloco num bom combate contra todo tipo de desumanidade. Estamos perplexos e inseguros com a indiferença clara dos governantes de vários Continentes, inclusive o Sul- Americano.  Evidente que gostaríamos de poder comemorar esses 68 anos, e não apenas lembrar o dia, onde, quando e porque foi assinada a Carta Universal dos Direitos Humanos.

 

Temos que repensar o que queremos como seres racionais. Os animais irracionais estão dando exemplos de união. Quem imaginou  gato e cachorro que não se suportavam, hoje são amigos. E  nós humanos estamos perdendo a nossa essência de  civilidade e abrindo espaço para o ódio. Vamos reverter o quadro negro vivido para o verde, símbolo da esperança com o fim da violência e poder comemorar a data em 2017.

 

 

 

Agenor Boaventura dos Santos/Pedagogo/

Pós-graduado em Docência Superior/Poeta.

 

E-mail aggenor@hotmail.com

Blogagenorsantos.simplesite.com