18. dez, 2015

O SOL NASCENTE - POESIA: Agenor Santos

 

 

O sol nascente

Ao despertar no horizonte

Com seu inconfundível

Brilhar do dia

 

A saudar a natureza

Com  a sua magnífica

E ímpar luminária

A  estimular o cantar dos pássaros

 

Completando a beleza

Dos seres vivos

No estuário físico

Numa rotina em pausa

 

Aos olhos do homem

Causa admiração

Pelo encantamento

Dos raios no amanhecer

 

Seja na terra   no mar  e no ar

Sempre a contemplar

Com olhar de milha

De grande alcance

 

Em cor de fogo reluzente

De um vermelho intenso

Este é o sol nascente

Todos os dias presente.

 

 

 

Agenor Boaventura dos Santos/Pedagogo/Pós-graduação em Docência Superior/Poeta.

 

 

aggenor@hotmail.com